Geral

Três detidos na Operação Hígia ganharam liberdade hoje (22) 

O juiz da 2ª Vara Criminal de Fernandópolis Vinicus Castrequini Bufulin prorrogou por mais cinco dias a prisão temporária de nove dos 12 detidos na Operação Hígia, que investiga crimes na Santa Casa de Fernandópolis.

Redação - Fernandópolis
22/02/20 às 16h58
(Imagem Ilustrativa)

O juiz da 2ª Vara Criminal de Fernandópolis Vinicus Castrequini Bufulin prorrogou por mais cinco dias a prisão temporária de nove dos 12 detidos na Operação Hígia, que investiga crimes na Santa Casa de Fernandópolis. Os três liberados são todos de Fernandópolis. Antônio Luiz Aielo, João Tarlau e Edilberto Sartin passaram por exames de corpo de delito e deixam a Cadeia Pública de Guarani d´Oeste às 0h de hoje (22).

Ao todo, 14 mandados de prisão foram expedidos pelo com base em um inquérito do delegado da Delegacia Seccional de Polícia, Ailton Canato, que aceitou denúncia do vereador e advogado Murilo Jacob.

Outros membros dos Conselhos Fiscal e Administrativo seguem com restrições judiciais e estão proibidos de frequentarem a Santa Casa, manter contato com os investigados na operação e sair do município sem autorização da Justiça.

As investigações que culminaram com a Operação Hígia tiveram início em abril de 2018. As detenções ocorridas na última segunda-feira, dia 17, aconteceram em desdobramento da Operação “Assepsia” realizada em julho de 2019, quando foram realizadas buscas nas sedes da Santa Casa de Fernandópolis e em algumas empresas.

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM GERAL
Franquia:
Andradina SP
Franqueado:
FLAVIA REGINA DE AVELAR GOMES 25180990858
14.225.543/0001-11
Editor responsável:
Flavia Gomes Mtb 8.016/MG
Email: ointeriorfala@gmail.com
Todos os direitos reservados © 1999 - 2020 - Grupo Agitta de Comunicação.