Pimenta

Roquinho afirma que termo “vagabundo” foi apenas uma brincadeira com um colega

Em uma rádio de Birigui, deputado fez críticas a quem postou frase de maneira isolada, fazendo uma interpretação maldosa e errada

Da redação
09/11/19 às 16h30

A fala do deputado estadual Roque Barbiere (PTB) na Assembleia Legislativa de São Paulo, na semana passada, pegou mal e viralizou nas redes sociais. Com base eleitoral na região, principalmente em Birigui, Roque usou a tribuna para defender o governador João Dória (PSDB) dos ataques que vinha sofrendo por ter concedido apenas 5% de aumento aos policiais militares. Mas parece que não se expressou bem ao dizer que “polícia é vocação, não é bom salário. Quem quer bom salário tem que trabalhar na Nasa.”

Vagabundo

Porém, o que mais incomodou os eleitores foi o termo utilizado pelo deputado ao se referir aos homens que vão ao mercado. “Eu não gosto de ir a mercado. Acho que homem que vai a mercado ou é dono de restaurante ou é vagabundo. É o que eu penso”, disse no trecho do vídeo que foi amplamente divulgado. A resposta da população foi imediata. Stickers e vídeos foram gravados por homens que vão a mercados. Também viralizou uma imagem onde o deputado aparece ao lado do prefeito de Birigui, Cristiano Salmeirão, e dos ex-prefeitos Pedro Bernabé e Cido Sério dentro de um supermercado. Cabe ressaltar que a imagem era referente a uma inauguração, não ao dia a dia.

Gastos

Também circulou pela internet a prestação de contas do parlamentar na Alesp, onde está em seu oitavo mandato consecutivo. Os números mostram que o deputado, que recebe salário de R$ 25,3 mil, fora a verba de gabinete e subsídio para contratação de assessores, gastou R$ 62.877,83 só para a compra de combustíveis e mais R$ 25.448,80 em locação de veículos. Considerando que se passaram 300 dias no ano, o gasto médio é de R$ 200 por dia, só com combustíveis.

(Foto: José Antonio Teixeira/Alesp)

Defesa

Na manhã de sexta-feira (8), Roque explicou o fato em uma rádio de Birigui. O deputado enalteceu o trabalho da polícia e fez críticas a quem postou a frase de maneira isolada, fazendo uma interpretação maldosa e errada.
Roque afirma que contou uma história referente ao encontro dele com um policial a paisana, que é amigo dele, em frente a um supermercado. O policial teria chamado, na brincadeira, o deputado de “vagabundo” pelo reajuste dado aos policiais e Roque, também na brincadeira, devolveu o adjetivo, porque “tinha liberdade” com o amigo.

Sem chance 

Ainda na entrevista, que mais pareceu um espaço aberto para o deputado falar o que quisesse, Roque foi questionado sobre a possibilidade de encerrar a carreira como candidato a governador ou vice-governador. “Nunca na vida. Eu já fui longe demais (...) O povo já fez por mim muito mais do que eu fiz por eles”, respondeu, destacando que apenas três deputados tiveram oito mandatos consecutivos na história da Assembleia. Disse que não é fácil ser deputado, porque precisa atender a todos, quem votou ou não votou nele, e que pensa muito nos filhos, que ainda são pequenos e querem a presença do pai.

Prefeito ciclista

O prefeito Dilador Borges (PSDB) surpreendeu a todos no domingo (3) ao chegar na avenida Dois de Dezembro de bicicleta para assinar duas ordens de serviço, uma para implantação de galerias e outras para asfaltar as duas vias. Ele saiu cedo para pedalar e foi direto para a Congregação Mundial de Jesus Cristo, local da cerimônia que estava agendada para as 10h. Os fiscalizadores de plantão correram nas redes sociais para criticar principalmente as vestes do prefeito, que não seriam adequadas para a ocasião. Mas a maioria comemorou as obras, que são aguardadas há décadas e eram promessas de Dilador.

Marketing

É nítida a campanha de marketing do chefe do Executivo voltada para as eleições municipais de 2020. A ação começou logo após a operação #TudoNosso, que investiga diversos crimes de desvios de recursos públicos em Araçatuba, e parece que vai continuar. Nas últimas semanas, assinaturas de ordem de serviço são feitas quase que semanalmente e até aos finais de semana. Tudo para que as obras consigam ser inauguradas pela atual gestão e antes do período eleitoral.

Fiscalizadores de plantão correram nas redes sociais para criticar principalmente as vestes do prefeito Dilador Borges (Foto: Divulgação)
 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM PIMENTA
Franquia:
Araçatuba SP
Franqueado:
Connect Empresa Jornalística e Editora LTDA
32.184.870-0001/54
Editor responsável:
Aline Galcino - MTB: 43087/SP
aline.galcino@ata.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2022 - Grupo Agitta de Comunicação.