Geral

Representantes de academias discutem projeto para tornar a atividade em serviço essencial

Na tarde desta quinta-feira (18), agentes de academias ilhenses pediram para os locais tornarem-se serviços essenciais.

Millena Suzuki - Jornal Hojemais
18/03/21 às 15h16
Foto: Reprodução

O estabelecimento usado para praticar exercícios, não é considerado essencial, por esta razão, durante a fase emergencial da pandemia não é permitido seu funcionamento. Com esta questão levantada, um projeto foi elaborado por Luís Otávio Collus de Paula (DEM) e está sendo discutido na Câmara de Ilha Solteira.

O plano apresentado, beneficia as academias de esportes de todas as modalidades, com a condição de seguir as regras do Ministério da Saúde e demais órgãos competentes. Um dos pontos destacados para a provação, é que mesmo em tempos de crise, como a pandemia, exercícios físicos são essenciais à saúde. 

Aguardamos informações sobre o projeto, que ainda não tem data marcada para votação.

 

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM GERAL
Franquia:
Ilha Solteira SP
Franqueado:
W E MENDONCA - CONSULTORIA
14.255.299/0001-30
Editor responsável:
Daniela Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2021 - Grupo Agitta de Comunicação.