AO VIVO
Cotidiano

Alta nos casos de dengue mobiliza equipes de combate em Maringá

Agentes priorizam atendimento das reclamações e denúncias, com vistorias para eliminar focos das larvas do mosquito nas residências

Com Secom/PMM - Redação - HojeMais Maringá
22/05/22 às 10h32

Mesmo com a queda das temperaturas, os serviços para frear o avanço da dengue e a proliferação do mosquito transmissor seguem sendo realizados pela Secretaria de Saúde de Maringá.

Segundo a prefeitura, as equipes estão priorizando o atendimento das reclamações e denúncias, com vistorias para eliminar focos das larvas do mosquito nas residências. A aplicação do fumacê também continua nas áreas planejadas da zona sul da cidade, aliada a outra estratégia: as ovitrampas ou armadilhas.

De acordo com o gerente de Zoonoses da Secretaria de Saúde, Eduardo Alcântara, “essas armadilhas são instaladas em locais onde foi aplicado o fumacê e ajudam no monitoramento da infestação do mosquitos transmissor da dengue.”

É sempre importante lembrar que as ações da prefeitura não diminuem a necessidade do apoio do cidadão em manter a organização dos quintais, retirando entulhos e materiais que possam acumular água e se transformarem em criadouros do mosquito.

Bairros da Zona Sul que estão recebendo o fumacê: Conjunto Borba Gato, Vila Marumbi, Jardim Tabaetê, Novo Horizonte, Residencial Aeroporto, Jardim Aclimação, Vila Nova, Internorte, Parque da Gávea, Paraíso, Madrid, Cidade Alta, Tarumã, Parque Itaipu, São Silvestre, além das Zonas 3, 6, 7 e 8.

Equipes priorizam atendimento de reclamações e denúncias, com vistorias para eliminar focos das larvas do mosquito nas residências (Foto: Aldemir de Moraes/PMM)
 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM COTIDIANO
Franquia:
Maringá PR
Franqueado:
SPOT COMUNICACAO DIGITAL LTDA
37.794.547/0001-16
Editor responsável:
Victor Faria / Amaro de Oliveira / Anderson Lopes
contato@mga.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2022 - Grupo Agitta de Comunicação.