Geral

Professores protestam em frente ao escritório de Ricardo Barros em Maringá

A convocação da aula pública é uma reação da categoria à declaração do deputado que disse que os "professores não querem trabalhar" durante a pandemia 

Redação HojeMais maringá
23/04/21 às 07h46

A APP Sindicato reage às declarações do deputado federal Ricardo Barros durante entrevista à CNN Brasil na última terça-feira (20), convocando protesto em frente ao escritório político do deputado em Maringá.

O deputado federal Ricardo Barros (Progressistas), líder do governo na Câmara dos Deputados, criticou a classe de professores ao afirmar que os docentes “não querem trabalhar” e explicou que, o Congresso pretende tornar a educação em serviço essencial para reabrir as escolas mesmo com a pandemia da covid-19. “É absurdo a forma como estamos permitindo que os professores causem tantos danos às nossas crianças na continuidade da sua formação. O professor não que se modernizar, não quer se atualizar. Já passou no concurso, está esperando se aposentar, não quer aprender mais nada”, disse Barros em entrevista à CNN Brasil.

"A afirmação de que só professores não querem trabalhar gerou revolta entre entre os professores que há mais de um ano se desdobra para realizar o trabalho remoto e garantir educação aos estudantes paranaenses, o que se repete em todo país", diz a nota de convocação de uma aula pública a ser ministrada hoje (23) em frente ao escritório político de Ricardo Barros - Avenida Prudente de Morais, 740 - Centro, em Maringá, a partir das 11h.

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM GERAL
Franquia:
Maringá PR
Franqueado:
SPOT COMUNICACAO DIGITAL LTDA
37.794.547/0001-16
Editor responsável:
Victor Faria / Kris Schornobay / Amaro de Oliveira
contato@mga.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2021 - Grupo Agitta de Comunicação.