Polícia

Empate entre Maringá FC e Athlético Paranaense é marcado por confusão e briga entre torcidas

Quebra-quebra, arremeço de objetos e confronto entre torcidas chamou mais atenção para as arquibancadas, do que o placar de 0 a 0 dentro de campo; polícia investiga quem fez os estragos

Redação - HojeMais Maringá 
27/01/22 às 11h42

O que faltou em contundência dentro de campo, no empate de 0 a 0, entre o Maringá FC e o Athlético Paranaense, sobrou em falta de respeito nas arquibancadas, na noite da última quarta-feira (26), no Estádio Regional Willie Davids, em partida válida pela segunda rodada do Campeonato Paranaense. 

Durante o intervalo partida, uma briga entre torcedores das duas torcidas foi registrada na arquibancada do estádio. Diversos vídeos, que circulam nas redes sociais, mostram o momento em que um torcedor atleticano pega uma barra de ferro e vai de encontro a um torcedor do dogão. Momentos depois, a torcida maringaense vai para cima da torcida do furacão.

Bebidas e objetos foram arremeçados entre as torcidas, o que gerou uma confusão generalizada. A diretoria do Maringá FC emitiu uma nota oficial e repudiou a postura dos torcedores no estádio.  

“O Maringá Futebol Clube repudia todos os atos de violência e não compactua, tampouco aceita, confrontos entre torcedores, priorizando, desde sempre, a união de todos os presentes, visando proporcionar um ambiente acolhedor, de festa e alegria, que possa ser frequentado por toda a família", disse em nota.

A Prefeitura de Maringá também lamentou o fato e destacou que torcedores que buscam confusão durante as partidas, não sao bem-vindos em nenhum ambiente público. A administração municipal ressaltou que essas pessoas se "fantasiam" de torcedores para criar confusões e brigas, para afastar a família e as crianças - que tanto gostam do esporte - desses espaços.  

"O Município informa que está acompanhando as investigações policiais relacionadas às brigas e deterioração do patrimônio público registradas no estádio. Equipes da Guarda Civil Municipal e Polícia Militar do Paraná fizeram vistorias no local na manhã desta quinta-feira, 27, para avaliar os estragos causados após a briga entre torcedores dos dois times. Investigadores também avaliam dezenas de vídeos que flagram os atos de violência para punir os possíveis culpados", destacou em nota.

A Secretaria de Segurança de Maringá, por meio da Guarda Civil Municipal, presta apoio à segurança do Estado e privada durante eventos deste tipo. 

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM POLÍCIA
Franquia:
Maringá PR
Franqueado:
SPOT COMUNICACAO DIGITAL LTDA
37.794.547/0001-16
Editor responsável:
Victor Faria / Amaro de Oliveira / Anderson Lopes
contato@mga.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2022 - Grupo Agitta de Comunicação.