Polícia

Hospital é multado por descumprir decretos Estadual e Municipal em Maringá

O Hospital Bom Samaritano estava realizando cirurgia plástica considerada eletiva e não emergencial 

Siacom - Redação HojeMais Maringá
27/02/21 às 15h00
Fiscais da Vigilância Sanitária e Secretaria de Fazenda e a Guarda Municipal no hospital para multar por descumprir decreto. (Foto: Siacom)

A Vigilância Sanitária notificou o hospital Bom Samaritano de Maringá por ter realizado uma cirurgia estética (considerada cirurgia eletiva), ou seja, não emergencial, proibida pelo decreto lançado pelo Governo do Estado nesta sexta-feira, 26. De acordo com o decreto municipal 585/2021, a notificação pode se transformar em multa no valor de R$10 mil, a ser aplicada às pessoas jurídicas que descumprirem as medidas de enfrentamento. 
O objetivo da proibição da realização de cirurgias estéticas é proporcionar que profissionais da saúde possam se dedicar aos pacientes com Coronavírus e liberar leitos de enfermaria e UTIs também para atendimento destes pacientes.
O artigo 1º do Decreto 6983 diz que da zero hora de hoje, até às 5 horas do dia 8 de março de 2021, deverá ser suspenso “o funcionamento de serviços e atividades não essenciais em todo território, como medida de enfrentamento da emergência de saúde pública decorrente da pandemia da Covid-19”.
A medida é necessária, visto que o sistema de saúde de todo o estado está sobrecarregado com pacientes de Covid-19.

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM POLÍCIA
Franquia:
Maringá PR
Franqueado:
SPOT COMUNICACAO DIGITAL LTDA
37.794.547/0001-16
Editor responsável:
Victor Faria / Kris Schornobay / Amaro de Oliveira
contato@mga.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2021 - Grupo Agitta de Comunicação.