Pimenta

A sua coluna mais apimentada 

Pimenta

Da Redação - Hojemais Três Lagoas
28/11/20 às 09h17

EMPREGO

O mercado de trabalho em Mato Grosso do Sul está em alta. O Estado mais contratou do que demitiu em outubro e fechou o mês com saldo positivo de 4.654 vagas trabalho criadas com carteira assinada. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta quinta-feira (26) pelo Ministério da Economia. Foram 20.580 contratações e 15.926 demissões no período avaliado. Segundo o relatório, os setores que mais contrataram foram, na sequência, comércio (1.715), serviços (1.661) e Indústria (1.043). Logo depois aparecem os segmentos da construção (173) e agricultura (62). Pelo quinto mês consecutivo o Estado registra saldo positivo na geração de empregos . Em junho deste ano foram 1.097 vagas abertas. Em julho, 3.266. Agosto, 2.505, e setembro 3.046.

FIM DE ANO

A proximidade do Natal e das festas de final de ano fazem do setor de comércio o principal gerador de vagas no mês de outubro. ”Temos boas notícias em outubro, com o crescimento das vagas no comércio neste período. Essas contratações, ainda que temporárias, são fundamentais para a população. Na indústria, toda a recomposição de estoque e de demanda têm permitido o crescimento das vagas no setor, que são mais perenes, com menor volatilidade”, comentou o secretário Jaime Verruck, da Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar).


Pandemia


Nos meses iniciais da pandemia de coronavírus, Mato Grosso do Sul contabilizou mais demissões do que contratações: março (-27 vagas), abril (-7.873) e maio (-2.690). Nesse período, a crise de saúde derrubou a economia do País. Entretanto, no acumulado do ano, de janeiro a outubro, a geração de empregos é positiva. Foram 164.659 contratações e 153.282 desligamentos. O saldo resulta na criação de 11.377 vagas de trabalho com carteira assinada em todo o Mato Grosso do Sul.

Operação Boas Festas

O Governo do Estado lançou ontem (26), em Campo Grande, a tradicional Operação Boas Festas.  O reforço do policiamento neste período que compreende o Natal e o Ano Novo será feito nem Campo Grande e nos principais municípios do interior de Mato Grosso do Sul, com foco na prevenção delitos e redução dos índices criminais, aumento da segurança e bem-estar da população.

AUMENTO DE FLUXO

A Operação Boas Festas ocorre em razão do aumento do fluxo de pessoas pelas áreas comercias dos municípios por conta do pagamento do salário de novembro e do 13º, que foram antecipados pelo Governo do Estado e das festividades natalinas. 


DETRAN

O Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) suspendeu a partir de hoje os atendimentos nas agências de Brasilândia e Bataguassu, no interior do Estado, onde servidores apresentaram sintomas do novo coronavírus (Covid-19). A medida obedece às orientações de biossegurança de autoridades sanitárias em função da pandemia que teve início no começo do ano. As atividades voltam ao normal na próxima segunda-feira (30).


Filho para adoção

Hospitais e unidades de saúde de Mato Grosso do Sul vão ter cartazes informando a população sobre a possibilidade de entrega legal de filhos para a adoção. A determinação consta na Lei nº 5.601, sancionada pelo governador Reinaldo Azambuja e publicada na quinta-feira (26) na página 2 do Diário Oficial do Estado.  “A entrega de filhos para adoção, mesmo durante a gravidez, não é crime. Caso você queira fazê-lo, ou conheça alguém nesta situação, procure a Vara da Infância e Juventude. Além de legal, o procedimento é sigiloso”. Essa é a frase que deverá estar no informativo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM PIMENTA
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2021 - Grupo Agitta de Comunicação.