Pimenta

Eduardo Rocha defende a prorrogação dos mandatos dos atuais prefeitos e vereadores

Pec com esta proposta tramita no Congresso

João Maria Vicente
27/05/19 às 18h50

Na sessão da última sexta-feira, da Assembleia Legislativa, o deputado estadual Eduardo Rocha (MDB) saiu em defesa do projeto que prorroga por mais dois anos os mandatos dos prefeitos, para que as eleições no Brasil sejam unificadas a partir de 2022, conforme prevê a PEC apresentada na Câmara Federal, pelo deputado Rogério Peninha (MDB-PR).

EXCESSO DE ELEIÇÕES

"Está na hora de mudar, a sociedade não aguenta mais eleições a cada dois anos, se unificar tudo vai gastar menos em campanhas e os gestores irão trabalhar mais". Esta proposta está em tramitação no Congresso Nacional.

A PEC

A PEC 49/2019 tem como objetivo prorrogar os mandatos dos atuais prefeitos e vereadores de todo o país, que estão previstos para serem finalizados no próximo ano sejam estendidos até 2022, para que as eleições federais, estaduais e municipais, sejam unificadas.

MENOS GASTOS

Em sua justificativa o parlamentar afirma que essa alteração tem como objetivo diminuir os gastos com eleições. Assim, segundo o parlamentar, com as eleições unificadas, haveria uma economia de recursos públicos, cerca de um bilhão de reais seriam economizados.

Prefeito Angelo Guerreiro com o deputado estadual Eduardo Rocha
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM PIMENTA
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2019 - Grupo Agitta de Comunicação.