Polícia

Tragédia em família: Autônomo mata o próprio irmão esquizofrênico a facadas em Andradina

 Um final de semana violento e sangrento em Andradina resultou na morte de uma pessoa na rua Alexandre Salomão, região central.

ANDRADINA
10/05/21 às 15h32
DIVULGAÇÃO

 Um final de semana violento e sangrento em Andradina resultou na morte de uma pessoa na rua Alexandre Salomão, região central. De acordo com o Boletim de Ocorrências, o autônomo “G”, 52 anos, teria assassinado o próprio irmão com pelo menos 14 facadas.

O próprio autor teria acionado a Polícia Militar após cometer o crime e alegado que ao chegar a sua residência, onde morava com o irmão e a namorada, sofreu ameaças da vítima após uma discussão. Disse ainda que o irmão sofria de esquizofrenia e teria tido uma crise, ameaçando-o de morte, dando-lhe um golpe na cabeça com um pedaço de madeira.

Para se defender, “G” disse ter se apossado de uma faca e ainda assim o irmão insistiu nas agressões. Foi quando então desferiu dois golpes de faca na vítima e logo depois acionou o 190.

Ao entrarem na residência, os PMs encontraram a vítima caída no chão  da cozinha sem sinais vitais, apresentando várias perfurações pelo corpo, provocadas por arma branca. De imediato foi acionado o resgate que socorreu a vítima até a UPA onde deu entrada já em óbito, atestado pelo médico dr. Adriel Prata. Diferente do que relatou o autor, o médico revelou que o corpo da vítima apresentava 14 (quartoze) perfurações causadas por arma branca.

Diante dos fatos, foi dado voz de prisão ao autor que foi encaminhado até a UPA devido estar com várias lesões que sofreu na região da cabeça. Os objetos utilizados nas agressões foram localizados e preservados.

Durante o trabalho da Perícia Técnico Científica foi localizado em um dos quartos da residência perfuração por projétil de arma de fogo. Em uma das gavetas do guarda roupa haviam três cartuchos, sendo um intacto de cal.22, um intacto de cal 32 e um deflagrado também do calibre 32.

Questionado, “G” revelou que possui uma arma de fogo (na foto acima), e no momento da discussão teria efetuado um disparo para o alto na intenção de intimidar o irmão. Mas que depois teria dispensado a arma jogando-a sobre o telhado do imóvel localizado nos fundos de sua residência.

A arma foi localizada, tratando-se de uma garrucha da marca Rossi, cal. 32, numeração f61235, carregada com dois cartuchos, um intacto e outro deflagrado.

Tanto a arma de fogo, munições, arma branca e a madeira utilizada nas agressões foram recolhidas e apreendidas pela equipe de perícia.

A ocorrência foi apresentada no plantão policial onde a delegada plantonista, ao tomar conhecimento dos fatos, ratificou a voz de prisão autuando “G” em flagrante delito pelos crimes de homicídio qualificado e posse ilegal de arma, permanecendo ele à disposição da Justiça. (urubupunganews - SIDNEI FERREIRA).

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM POLÍCIA
Franquia:
Andradina SP
Franqueado:
FLAVIA REGINA DE AVELAR GOMES 25180990858
14.225.543/0001-11
Editor responsável:
Flavia Gomes Mtb 8.016/MG
Email: ointeriorfala@gmail.com
Todos os direitos reservados © 1999 - 2021 - Grupo Agitta de Comunicação.