MRV Engenharia

Sustentabilidade em pauta na construção civil

Com gestão de seus resíduos, MRV, maior construtora da América Latina, conseguiu reduzir os números de materiais que seriam descartados e, consequentemente, diminuir seus custos

MRV Engenharia
08/06/22 às 16h29

A MRV, uma das empresas do grupo MRV&CO, nos últimos quatro anos, conseguiu reduzir, de três para 0,8, a quantidade de caçambas de entulho produzido por apartamento. Além disso, em 2021, mais de 139 mil m3 de materiais que seriam descartados foram destinados para a reutilização e reciclagem. Com isso, a companhia diminuiu os custos totais de suas obras nos últimos seis anos.

Números importantes que demostram a movimentação de grandes players da construção civil para desenvolver ações para mitigar os impactos de seus negócios no meio ambiente e estimular fornecedores e concorrentes por meio de boas práticas, uma vez que o segmento é responsável por cerca de 50% dos resíduos urbanos gerados no país, segundo Abrelpe (Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais).

Na prática

José Luiz Esteves da Fonseca, gestor executivo sustentabilidade da MRV, afirma que a companhia está atenta e busca por soluções inovadoras que aperfeiçoe seus processos, principalmente os ligados aos métodos construtivos, visando uma gestão mais sustentável de todo o negócio.

“Nessa busca por soluções, nosso time entendeu que seria mais eficiente invertermos a ordem de nossa produção. Ou seja, antes de iniciar de fato a construção dos prédios, executamos a infraestrutura de pavimentação, drenagens, instalações em geral de todo o canteiro de obras e desenvolvemos as áreas externas e estacionamento. Com isso, conseguimos diminuir a perda de matérias, além de ganharmos mais em produtividade, limpeza e organização na obra. No modo antigo, perdia-se materiais com a chuva, devido a lama que se formava no terreno”, conta o executivo.

Separação

A segregação de caçambas por material também tem gerado bons resultados, pois, além de permitir dar o destino correto ao que seria descartado, também se transforma em apoio a projetos sociais. Grande parte dos canteiros de obras da MRV contam com a parceria de cooperativas de catadores devidamente credenciadas, que recolhem plástico, madeira, embalagens, embalagens de tinta, entre outros intens.

“Com isso, ganhamos todos! A construtora, que dá um destino adequado aos seus resíduos, as prefeituras que têm reduzido o impacto de resíduos de construção em seus aterros sanitários e as cooperativas, que geram renda para a comunidade local. O resultado: só no ano passado destinamos 139.480 m3 para a reciclagem”, afirma José Luiz.

Outa iniciativa que colabora para a redução de resíduos e desperdício de matérias é o projeto Linha Verde MRV. Dentro da filosofia Lean Construction (Construção Enxuta), esse projeto visa racionalizar os processos construtivos. “Assim, atingimos a sustentabilidade por meio das melhorias aplicadas nos processos em canteiro, tendo como base os sete tipos básicos de desperdícios do Lean, que são: o retrabalho, a superprodução, o estoque, movimentações desnecessárias, esperas, transportes e processos que não agregam”, explica Maria Gabriela Guimaraes, coordenadora de planejamento estratégico de obras da MRV.

Nesse conceito, a esteira de trabalho nos canteiros são divididas por pacotes, e as equipes trabalham com suas atividades já padronizadas e no ritmo adequado para a produção diária. Dessa forma, com o sequenciamento de obras, elas vão ficando mais produtivas, oferecendo mais qualidade, segurança, gerando menos desperdícios e agregando mais valor ao produto. Até o final deste ano, quase a totalidade dos empreendimentos da empresa serão concebidos a partir da filosofia Lean Construction.

Palavra-chave na gestão de resíduos: monitoramento

A construção civil movimenta uma grande cadeia produtiva que inclui empresas de vários segmentos. Visando estimular e contribuir para a evolução e boas práticas de toda essa cadeia, a MRV convida todos seus fornecedores a participarem de programas de educação e de redução de impactos ambientais.

José Luiz Esteves da Fonseca reforça que a gestão eficiente dos resíduos passa pelo monitoramento integral de todos os dados das obras. Hoje, por exemplo, os caminhões que entram em um canteiro MRV tem o nível de fumaça conferido aleatoriamente. Se esse estiver fora dos padrões corretos, é notificado à empresa, para que eles possam tomar as devidas providências.

“Todas essas e outras ações estão previstas no ‘Visão 2030 MRV’, documento que relaciona as atividades da empresa ao alcance dos ODS (Objetivos do Desenvolvimento Sustentável), sendo um importante norteador do investimento relacionado à sociedade e meio ambiente” , ressalta José Luiz.

Sobre a MRV

Em mais de quatro décadas de mercado, a MRV, líder da América Latina, tem colocado em prática seu propósito de construir sonhos que transformam o mundo por meio da construção da casa própria levando em conta questões ambientais, sociais e de governança.

Suas ações valorizam esses pilares a fizeram ser reconhecida como integrante, pelo sexto ano consecutivo, do ISE (Índice de Sustentabilidade Empresarial) da B3. A companhia é signatária e apoiadora institucional da Rede Brasil do Pacto Global, iniciativa de sustentabilidade corporativa gerida pela ONU (Organização das Nações Unidas). Para conhecer mais sobre as iniciativas da MRV baseadas no ESG (Environmental, Social and Governance) acesse o site www.mrv.com.br .

Há 42 anos nascemos da vontade de construir imóveis de baixo custo para realizar o sonho dos brasileiros.

Hoje, ressignificamos nossa história e temos como norte o propósito de construir sonhos que transformam o mundo.


Porque a casa não é o fim, mas o início de uma nova vida e de uma grande transformação.


Estamos presente em mais de 160 cidades de 22 estados e do Distrito Federal e isso nos enche de orgulho.

Ao todo, são mais de 32 mil colaboradores com um único objetivo: transformar vidas.


E não paramos por aí. Cada empreendimento construído carrega em sua essência uma vizinhança com creches, postos de saúde, ruas pavimentadas, reflorestamento, espaços de convivência e muito mais. Porque urbanizar com responsabilidade, suprindo as necessidades reais de cada comunidade, faz parte do nosso compromisso com a cidadania.

 MAIS DE MRV ENGENHARIA
VEJA TODAS DE MRV ENGENHARIA
Franquia:
Araçatuba SP
Franqueado:
Connect Empresa Jornalística e Editora LTDA
32.184.870-0001/54
Editor responsável:
Aline Galcino - MTB: 43087/SP
aline.galcino@ata.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2022 - Grupo Agitta de Comunicação.