Geral

Família cria vakinha virtual para cirurgia no crânio de criança

Os familiares do pequeno Hugo Silva Laurentino, de apenas um ano e dois meses de idade, criaram uma “vakinha virtual” para tentar angariar fundos para uma cirurgia de alta complexidade e de custo elevado (mais de R$ 78 mil) que o garoto precisa.

Votuporanga
23/10/20 às 14h49
Reprodução

Os familiares do pequeno Hugo Silva Laurentino, de apenas um ano e dois meses de idade, criaram uma “vakinha virtual” para tentar angariar fundos para uma cirurgia de alta complexidade e de custo elevado (mais de R$ 78 mil) que o garoto precisa. A iniciativa se deu após o convênio negar a cirurgia por razão do médico especialista, não ser credenciado.

Além do custo com a cirurgia, a família também precisa de ajuda com algumas despesas, inclusive para o advogado, sobre a ação contra o plano de saúde na justiça, pois se o plano de saúde cobrisse, não seria necessária a arrecadação de tanto dinheiro.

Hugo foi diagnosticado no primeiro mês de vida com cranioestenose, um tipo de trigonocefalia. A trigonocefalia é o fechamento da sutura metópica e faz com que a testa fique em formato triangular. A cirurgia de Hugo precisava ser feita com seis meses de idade, porém, devido à pandemia ela foi adiada.

Quanto mais que o tempo passa, a complexidade da cirurgia aumenta e isso foi o que levou a família procurar a equipe do Dr. Cássio em Campinas, especializada neste tipo de cirurgia, tendo o custo de R$ 78 mil.
De acordo com a mãe do garoto, Maysa Laurentino, o cérebro do pequeno Hugo já está muito apertado e em decorrência disso, o mesmo começou a sentir dores de cabeça. Se a cirurgia não for realizada, a má formação craniana pode comprometer a visão e o desenvolvimento neurológico.

“Fico de coração partido. Chega bater um desânimo, mas não posso desanimar porque o Hugo depende disso. Queria que tudo isso tivesse passado”, disse a mãe Maysa.

A princípio, a vakinha era para ser divulgada apenas entre familiares, amigos e conhecidos, mas ela foi repassada para outras pessoas para que o valor seja arrecadado o mais rápido possível.

Desde o dia em que a campanha foi iniciada, R$ 2.260 foram arrecadados. Quem quiser colaborar pode acessar o site: www.vakinha.com.br/vaquinha/cirurgia-de-cranioestenose-do-hugo, ou por meio da conta bancária na Caixa Econômica Federal, Agência 0644, Operação 013, Conta poupança 022877-3 no nome de Maysa Pereira Silva e CPF 042191683-46.

Sobre

Trigonocefalia é um tipo de craniosinostose (má formação do crânio do bebê). O crânio é formado por placas ósseas: a frontal, a occipital (osso situado na parte traseira inferior do crânio) e as placas temporais e parietais. Elas são unidas por suturas.

A mobilidade dos ossos cranianos possibilita o desenvolvimento completo do cérebro, enquanto o bebê está crescendo. Porém, em algumas crianças, existe uma soldadura precoce. As duas placas que formam a parte frontal do crânio fecham-se mais cedo, deixando a testa da criança com uma forma triangular, parecido com uma quilha.

Causas

As explicações sobre as causas da trigonocefalia ainda não se esgotaram. Alguns estudos científicos afirmam que é uma doença congênita, ou seja, uma patologia que surge antes do nascimento do bebê. Isso pode ocorrer devido a fatores genéticos, por insuficiência de líquido amniótico, o que prejudica o amortecimento do bebê dentro da barriga da mãe, ou por espaço insuficiente para a gestação de dois ou mais bebês.

A trigonocefalia também é considerada um sintoma de algumas síndromes, tais como a síndrome de Jacobsen, Muenke e Baller-Gerold.

Sintomas

O principal sintoma de trigonocefalia é a forma triangular da placa frontal do crânio. Além disso, devido ao formato do crânio, os olhos do bebê ficam mais juntos e definidos, em comparação com a face de uma criança saudável. O hipotelorismo, aproximação anormal das órbitas oculares, é comum em bebês portadores de trigonocefalia.
O diagnóstico precoce é importante para o desenvolvimento do bebê. Se a doença não for tratada, o crescimento do cérebro, em uma caixa craniana apertada, poderá causar problemas a criança. (Com A Cidade).

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM GERAL
Franquia:
Andradina SP
Franqueado:
FLAVIA REGINA DE AVELAR GOMES 25180990858
14.225.543/0001-11
Editor responsável:
Flavia Gomes Mtb 8.016/MG
Email: ointeriorfala@gmail.com
Todos os direitos reservados © 1999 - 2020 - Grupo Agitta de Comunicação.