Cotidiano

Birigui terá drive-thru noturno para agilizar vacinação, adianta secretária de Saúde

Prefeitura garante que município está preparado para começar a vacinação no dia 25, conforme cronograma definido pelo Estado

Aline Galcino - Hojemais Araçatuba
15/01/21 às 19h39

A Prefeitura de Birigui (SP) prepara pelo menos 12 locais para vacinar a população contra a covid-19, assim que tiver início a campanha no Estado, prevista para o dia 25 de janeiro. Além dos pontos fixos, o município terá drive-thru com horário estendido, das 18h às 22h, para facilitar o acesso da população.

A informação foi passada pela secretária de Saúde, Adriana Sangaletti Duarte, e pelo prefeito Leandro Maffeis (PSL), em live no Facebook no início da noite desta sexta-feira (15).

Segundo Adriana, na primeira fase, que envolverá os profissionais da saúde, indígenas e/ou quilombolas, as doses serão disponibilizadas direto nos estabelecimentos de saúde, tais como hospitais e entidades como Recanto do Vovô e Abrigo Vó Tereza. Esses locais receberão a quantidade certa para vacinar seus funcionários.

Já os trabalhadores da rede privada de saúde deverão ir até as UBSs (Unidades Básicas de Saúde) para receber a imunização. A vacinação desse primeiro grupo começa no dia 25 de janeiro. A segunda dose está prevista para ser aplicada no dia 15 de fevereiro.

Na segunda etapa, quando começam a ser vacinados os idosos, a partir de 8 de fevereiro, a vacinação será nas UBSs e drive-thrus, seguindo o seguinte cronograma:

Dose 1

  • 08/02 Pessoas com 75 anos ou mais
  • 15/02 Pessoas com 70 a 74 anos
  • 22/02 Pessoas com 65 a 69 anos
  • 01/03 Pessoas com 60 a 64 anos

Dose 2

  • 01/03 Pessoas com 75 anos ou mais
  • 08/03 Pessoas com 70 a 74 anos
  • 15/03 Pessoas com 65 a 69 anos
  • 22/03 Pessoas com 60 a 64 anos
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O intervalo, por enquanto, é de 21 dias entre a primeira e segunda dose. A secretária lembra que é preciso levar o cartão do SUS (Sistema Único de Saúde), CPF e comprovante de residência.

O município afirma ainda que já possui os materiais necessários, como as seringas, para aplicação do cronograma, que é feito pelo Estado.

“A definição do cronograma é feita pelo Estado. Só vamos fazer o que o Estado manda”, respondeu ao ser questionado sobre os grupos prioritários para receber as doses.

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM COTIDIANO
Franquia:
Araçatuba SP
Franqueado:
Connect Empresa Jornalística e Editora LTDA
32.184.870-0001/54
Editor responsável:
Aline Galcino - MTB: 43087/SP
aline.galcino@ata.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2021 - Grupo Agitta de Comunicação.