Cotidiano

Números mantêm região de Araçatuba na Fase Laranja

Governo fará nova reclassificação do Plano São Paulo nesta sexta-feira (22) por piora dos números no Estado

Lázaro Jr. - Hojemais Araçatuba
21/01/21 às 18h20
Imagem: Reprodução

O governo do Estado anunciou que fará uma nova reclassificação do Plano São Paulo nesta sexta-feira (22), em função da piora dos indicadores da pandemia em algumas regiões paulistas, inclusive na Grande São Paulo, que pelos indicadores, deve regredir para a Fase Laranja.

No caso da região de Araçatuba, os números mais recentes, que foram atualizados às 16h de quarta-feira (20), indicam a permanência na Fase Laranja.

O único critério que determina o rebaixamento de uma região para a Fase Vermelha no Plano São Paulo superar os 80% de ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Quando está abaixo de 70% a região pode ser classificada até na Fase Verde, mas depende de outros indicadores.

Na quarta-feira a ocupação dos leitos de UTI na média do Estado era de 71,1%, na Grande São Paulo de 71,6% e na região de Araçatuba estava em 55,2%.

Alerta

Apesar dos indicadores da região, nesta quinta-feira (21) a Secretaria de Desenvolvimento Regional informou que há 58 cidades paulistas com mais de 80% de ocupação nos leitos de UTI, três delas na região de Araçatuba: Birigui, Ilha Solteira e Mirandópolis.

O governo do Estado recomenda que as Prefeituras dessas cidades adotem as medidas restritivas previstas na Fase Vermelha. Entretanto, deixa claro que as regiões são divididas por DRS (Departamento Regional de Saúde).

Essa divisão existe justamente para facilitar os encaminhamentos e transferências de pacientes conforme a necessidade de cada região. Esse direcionamento para o leito disponível mais próximo é definido pela CROSS (Central de Regulação de Oferta de Serviços de Saúde), da Secretaria de Estado da Saúde.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Amarela

Como já foi citado acima, considerando apenas a taxa de ocupação de leitos de UTI, a região de Araçatuba estaria classificada na Fase Amarela. Entretanto, Araçatuba deve permanecer na Fase Laranja devido ao alto índice de mortes nos últimos dias.

O limite para permanência na Fase Amarela pelo Pano São Paulo é de 8 óbitos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias. Na sexta-feira, quando a região de Araçatuba foi rebaixada para a Fase Laranja, a região apresentava 9,4 óbitos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias.

Ao invés de reduzir esse índice, o que permitiria a região retornar à Fase Amarela, houve aumento nas mortes, elevando para 12 óbitos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias.

Apesar do aumento nas mortes, o Plano São Paulo não prevê o rebaixamento de uma região para a Fase Vermelha levando em consideração o número de óbitos por 100 mil habitantes.

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM COTIDIANO
Franquia:
Araçatuba SP
Franqueado:
Connect Empresa Jornalística e Editora LTDA
32.184.870-0001/54
Editor responsável:
Aline Galcino - MTB: 43087/SP
aline.galcino@ata.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2021 - Grupo Agitta de Comunicação.