Polícia

Funileiro havia discutido com homem antes de ser morto em Birigui

Dois suspeitos foram vistos no local momentos antes dos disparos que mataram Hércules Macelo Trindade

Lázaro Jr. - Hojemais Araçatuba
29/06/22 às 15h26
Crime aconteceu na manhã desta quarta-feira em Birigui (Foto: Colaboração de leitor)

O funileiro Hércules Macelo Trindade, 46 anos, morto a tiros na manhã desta quarta-feira (29) em Birigui (SP), havia discutido com um cliente na funilaria dele, na tarde de ontem. A informação foi passada à polícia por um filho da vítima.

O jovem contou à polícia que não presenciou o crime e nem viu os autores dos disparos. Porém, revelou ter visto ontem o pai discutir com homem a respeito da venda de uma peça de carro.

De acordo com ele, essa pessoa teria pedido desculpas pelo que havia acontecido. Na sequência o pai dele teria falado para ele não aparecer mais na oficina e essa pessoa deixou o local de carro, sentido Vila Bandeirantes.

Dupla

Ainda de acordo com a polícia, uma testemunha ouvida após o crime revelou ter visto dois homens chegarem no local na manhã de hoje e perguntar que hora a oficina iria abrir. Minutos depois ela ouviu dois disparos de arma de fogo e viu os suspeitos fugindo correndo.

Outras testemunhas também disseram ter ouvido dois disparos de arma de fogo e visto pessoa desconhecida correndo e virando esquina, sem observar mais características dele. A polícia tentará encontrar imagens gravadas por câmeras de monitoramento que auxiliem na identificação dos autores.

Crime

A Polícia Civil foi comunicada do crime por volta das 10h, por policiais militares informando de uma tentativa de homicídio na rua Egídio Navarro. A informação passada foi de que a vítima havia sido socorrida em estado grave.

Um delegado esteve no local acompanhado de equipe de investigação e acionou o Instituto de Criminalística para realização de perícia. Durante os trabalhos a polícia foi informada de que Trindade havia morrido.

A vítima foi atingida por dois disparos de arma de fogo, sofrendo um ferimento no lado direito do crânio e o outro no lado esquerdo do pescoço. O corpo passaria por exame necroscópico antes de ser liberado para velório, que está previsto para começar no início da manhã de quinta-feira (30).

O enterro está marcado para as 13h, no cemitério da Consolação.

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM POLÍCIA
Franquia:
Araçatuba SP
Franqueado:
Connect Empresa Jornalística e Editora LTDA
32.184.870-0001/54
Editor responsável:
Aline Galcino - MTB: 43087/SP
aline.galcino@ata.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2022 - Grupo Agitta de Comunicação.