Cotidiano

Estado decide suspender retorno das aulas presenciais em fevereiro

Escolas serão abertas a partir de 8 de fevereiro e os pais não serão obrigados a enviar os alunos

Lázaro Jr. - Hojemais Araçatuba
22/01/21 às 12h58
Imagem: Arquivo

*Matéria atualizada às 15h55

O governador João Doria (PSDB) informou no início da tarde desta sexta-feira (22), que está suspensa a obrigatoriedade do retorno das aulas presenciais em todo Estado a partir de fevereiro. Decreto assinado em 18 de dezembro previa que as aulas na rede estadual retornariam presencialmente em 1.º de fevereiro, independentemente da Fase do Plano São Paulo.

Segundo o que foi informado, devido ao crescimento da pandemia, a Secretaria Estadual de Educação suspendeu a obrigatoriedade da presença física dos alunos. A medida altera deliberação do Conselho Estadual da Educação, homologada nesta semana. A partir de agora, as aulas no formato presencial com a presença de pelo menos 1/3 é válida apenas aos municípios que estejam nas fases Amarela e Verde do Plano São Paulo.

Retorno

A pasta também adiou o retorno das aulas na rede estadual de 1.º para 8 de fevereiro. Segundo o que foi informado, na próxima terça-feira (26) terá início o planejamento escolar, com a formação das equipes escolares e a comunicação com as famílias a respeito dos protocolos de segurança para a retomada das aulas presenciais.

As aulas na rede estadual retornam efetivamente em 8 de fevereiro e a primeira semana de atividades presenciais será voltada ao acolhimento dos alunos, à prática dos protocolos no ambiente escolar e ao aprendizado do uso das ferramentas tecnológicas.

A Secretaria de Educação informa que adquiriu e distribuiu uma série de insumos para os estudantes e servidores. São 12 milhões de máscaras de tecido; mais de 440 mil protetores faciais de acrílico; 10.740 termômetros a laser; 10 mil totens de álcool em gel; 221 mil litros de sabonete líquido; 78 milhões de copos descartáveis; 112 mil litros de álcool em gel; 100 milhões de rolos de papel toalha; e 1,8 milhão de rolos de papel higiênico.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Retorno regionalizado

Fica mantido o índice de 35% da capacidade de alunos por dia nas duas primeiras semanas de aula. Após esse período, o percentual permanece o mesmo para os municípios que estiverem nas fases Vermelha ou Laranja do Plano São Paulo.

Já para os municípios que estiverem na Fase Amarela a capacidade poderá ser de até 70% dos estudantes e de 100% na Fase Verde. Os protocolos sanitários devem ser cumpridos em todas as fases.

Particular

Instituições de ensino superior não estão autorizadas a funcionar presencialmente nos municípios que estiverem nas fases Vermelha e Laranja, que é o caso de Araçatuba. Na fase Amarela, o funcionamento é com até 35% das matrículas e na fase Verde, com até 70%.

Cursos superiores específicos da área médica têm o retorno presencial autorizado em todas as fases do Plano São Paulo.

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM COTIDIANO
Franquia:
Araçatuba SP
Franqueado:
Connect Empresa Jornalística e Editora LTDA
32.184.870-0001/54
Editor responsável:
Aline Galcino - MTB: 43087/SP
aline.galcino@ata.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2021 - Grupo Agitta de Comunicação.