Geral

Ministério da Saúde deve autorizar dose única da CoronaVac

“Neste novo momento da campanha, a vacina do Butantan será aplicada em dose única, com o objetivo de ampliar a vacinação e atender ainda mais brasileiros", disse o ministro Eduardo Pazuello

Lázaro Jr. - Hojemais Araçatuba
19/02/21 às 16h23
O Ministério da Saúde espera receber outras 39 milhões de doses de vacinas durante o mês de março (Foto: Biomaguinhos/Fiocruz)

O Ministério da Saúde deve autorizar a aplicação de apenas uma dose da CoronaVac a partir da próxima etapa da vacinação, prevista para começar em 1.º de março. O anúncio foi feito pelo ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, durante reunião por videochamada com uma comissão da FNP (Frente Nacional de Prefeitos).

“Neste novo momento da campanha, a vacina do Butantan será aplicada em dose única, com o objetivo de ampliar a vacinação e atender ainda mais brasileiros. Com isso, entramos em março com a expectativa de vacinar novos grupos”, disse.

Segundo o ministro, o governo distribuirá mais de 4,7 milhões de doses da vacina contra a covid-19 até o começo de março. A partir de quarta-feira (24) devem ser enviadas às secretarias estaduais de saúde de cerca de 2,7 milhões de doses da vacina CoronaVac e dois milhões de doses da AstraZeneca que o governo está importando da Índia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Agilizar

Pazuello afirmou que o novo lote será usado para vacinar apenas pessoas dos grupos prioritários que ainda não receberam a primeira dose do imunizante, para acelerar o processo de vacinação no País.

O ministério espera receber outras 39 milhões de doses de vacinas durante o mês de março: 21 milhões do Instituto Butantan e 18 milhões da AstraZeneca, incluindo as produzidas pela Fiocruz e as importadas.

Boa iniciativa

O governo do Estado foi questionado sobre a possibilidade de se aplicar apenas uma dose da CoronaVac durante coletiva no início da tarde e informou que desde o início da campanha é favorável a essa medida, para ampliar público alvo a ser vacinado.

Entretanto, explicou que é preciso que essa autorização seja dada de forma oficial e não apenas por meio de pronunciamento.

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM GERAL
Franquia:
Araçatuba SP
Franqueado:
Connect Empresa Jornalística e Editora LTDA
32.184.870-0001/54
Editor responsável:
Aline Galcino - MTB: 43087/SP
aline.galcino@ata.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2021 - Grupo Agitta de Comunicação.