Polícia

Professor é detido por embriaguez após bater carro em outro parado

Estava voltando para casa após sair de um bar; teste do bafômetro confirmou a embriaguez, mas ele autorizou a coleta de sangue para contraprova

Lázaro Jr. - Hojemais Araçatuba
25/09/21 às 09h42
Caso aconteceu na rua Amazonas, em Araçatuba (Foto: Reprodução Google)

Um professor de 38 anos, morador na Vila Paulista, em Araçatuba (SP), foi detido na noite de sexta-feira (24) após bater o veículo que conduzia em outro que estava estacionado, na rua da casa dele. Ele confirmou que havia ingerido bebida alcoólica e o teste do bafômetro confirmou a embriaguez.

Segundo a polícia, o caso aconteceu por volta das 23h, na rua Amazonas. Policiais militares foram ao local para atendimento a ocorrência de acidente de trânsito e encontraram um Nissan Kicks e um Jeep Compass danificados.

O primeiro veículo era conduzido pelo professor, que contou que havia ingerido bebidas alcoólicas em um bar perto da rodoviária. De acordo com ele, ao voltar para casa, que fica na mesma rua do local do acidente, perdeu o controle de direção e a frente do carro dele, do lado direito, bateu na parte traseira esquerda do Compass.

Aposentada

O outro veículo envolvido pertence a uma aposentada de 75 anos, moradora na Vila Mendonça. Ela contou que estava visitando a irmã e havia deixado o carro dela estacionado na frente da residência. Após ouvir o barulho de batida de veículos, elas saíram na rua e viram que o condutor do Kicks, que provocou a colisão, estava aparentemente embriagado.

Os policiais convidaram o professor a fazer o teste do bafômetro, ele concordou e o exame apontou 1,06 miligrama de álcool por litro de ar alveolar. O limite para a prisão em flagrante pela lei Seca é 0,33 miligrama.

Contraprova

Ao ser apresentado no plantão policial o investigado alegou que apesar de ter ingerido bebida alcoólica, não estava embriagado, e solicitou a contraprova, autorizando a coleta de sangue para exame de dosagem alcoólica. Ele foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) para a realização do procedimento e após a conclusão do registro, foi liberado.

Os veículos ficaram danificados, possuem seguro e estavam com a documentação em dia. Como não foi apresentado condutor para o Kicks, ele foi apreendido administrativamente e recolhido ao pátio de um guincho. O professor foi autuado por conduzir veículo sobre a influência de álcool.

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM POLÍCIA
Franquia:
Araçatuba SP
Franqueado:
Connect Empresa Jornalística e Editora LTDA
32.184.870-0001/54
Editor responsável:
Aline Galcino - MTB: 43087/SP
aline.galcino@ata.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2021 - Grupo Agitta de Comunicação.