Polícia

Golpistas usam nome da Vigilância Sanitária para aplicar golpe via whatsapp

Usando o nome da Vigilância Sanitária o autor do crime entra em contato com a empresa vítima e informa que a empresa acabou de receber uma multa, na sequência é enviado um link no celular da vítima que, ao clicar, tem todos alguns dados que estão no aparelho celular clonados.

Da Redação
14/05/21 às 14h09

Em Três Lagoas, estelionatários estão entrando em contato com clínicas de saúde, consultórios e outros estabelecimentos para aplicar golpe e clonar contas de rede social. Usando o nome da Vigilância Sanitária o autor do crime entra em contato com a empresa vítima e informa que a empresa acabou de receber uma multa, na sequência é enviado um link no celular da vítima que, ao clicar, tem todos alguns dados que estão no aparelho celular clonados.

“O estelionato é tão elaborado que eles esperam ter um certo número de pessoas no local, para ligarem e alegarem aglomeração. Mas a Vigilância Sanitária não faz sua abordagem desta maneira, por telefone. Nossas ações são sempre realizadas pessoalmente, com equipe uniformizada e identificada”, explicou o Coordenador da Vigilância Sanitária, Christovam Bazan.

A orientação é não clicar em nenhum link, pois a Vigilância Sanitária de Três Lagoas não encaminha mensagem por e-mail, telefone ou redes sociais. E, na dúvida, busque orientações pelos números de telefones 3929-1861/99143-3122.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM POLÍCIA
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2021 - Grupo Agitta de Comunicação.