Economia

Comércio terá que funcionar em horário reduzido a partir de segunda-feira

Na Fase Laranja, o Plano São Paulo permite o funcionamento do comércio, de shopping centers e demais serviços por no máximo 8 horas diárias, com encerramento do expediente às 20h

Lázaro Jr. - Hojemais Araçatuba
15/01/21 às 16h27
Comércio terá que funcionar 8h por dia, contra as 10h que são permitidas atualmente (Foto: Arquivo)

Com a regressão da região de Araçatuba para a Fase Laranja do Plano São Paulo, a partir da próxima segunda-feira (18) o comércio das 41 cidades da área de abrangência do DRS-2 (Departamento Regional de Saúde) terão que funcionar em horário reduzido.

Nesta fase, o plano permite o funcionamento do comércio, shopping centers e demais serviços em geral por no máximo 8 horas diárias. Não é permitido o funcionamento de estabelecimentos entre as 20h e as 6h.

O Hojemais Araçatuba já questionou a Prefeitura de Araçatuba e Birigui sobre o horário de funcionamento do comércio a partir da próxima semana e aguarda o retorno.

No caso de Penápolis, já está definido que o comércio abrirá as portas às 9h30 e encerrará o expediente às 17h30, de segunda à sexta-feira, enquanto a região estiver nessa fase. Aos sábados não haverá alteração no horário de funcionamento, com as lojas abrindo às 9h e fechando às 13h.

Imagem: Ilustração

Restrições

Com as mudanças feitas no Plano São Paulo na semana passada, as restrições da Fase Laranja foram amenizadas. Assim, o único serviço que estará proibido de funcionar a partir de segunda-feira são os bares, que não podem oferecer atendimento presencial, ou seja, devem funcionar no sistema de delivery.

Os restaurantes podem funcionar, porém terão que encerrar o expediente às 20h. Até domingo (17), o funcionamento desses estabelecimentos pode acontecer até as 22h, mas o fornecimento de bebidas alcoólicas deve ser suspenso às 20h, de acordo com o Plano São Paulo.

Os shopping centers também terão que funcionar por no máximo oito horas diárias, com permissão de funcionamento das praças de alimentação, respeitando a capacidade máxima de 40% e as regras sanitárias.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Salões e academias

Os salões de cabeleireiros e barbearias podem funcionar por oito horas diárias, respeitando a capacidade de 40% de ocupação e adotando os protocolos geral e setorial específicos.

O mesmo acontece com as academias, que além da capacidade reduzida, deve atender mediante agendamento prévio e hora marcada. Estão permitidas apenas de aulas e práticas individuais, sendo proibida a realização de aulas e práticas em grupo.

Rebaixamento

O rebaixamento da região para a Fase Laranja se deu pelo alto índice de mortes na região, que nos últimos 14 dias registrou 9,4 óbitos por 100 mil habitantes. O limite da Fase Amarela é de 8 óbitos por 100 mil habitantes.

Também estão na Fase Laranja a partir de segunda-feira as regiões de Bauru, Franca, Piracicaba, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto e Taubaté.

A região de Marília, que está na Fase Laranja, foi rebaixada pela segunda vez em duas semanas e irá para a Fase Vermelha. Nessa fase só é permitido o funcionamento de atividades essenciais, como farmácias, mercados, padarias, lojas de conveniência, bancas de jornal, postos de combustíveis, lavanderias e hotelaria. Comércios e serviços não essenciais só podem atender em esquema de retirada na porta, drive-thru e entregas por telefone ou aplicativos.

As demais regiões permanecem na fase amarela, o que corresponde a 67% da população do Estado. 

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM ECONOMIA
Franquia:
Araçatuba SP
Franqueado:
Connect Empresa Jornalística e Editora LTDA
32.184.870-0001/54
Editor responsável:
Aline Galcino - MTB: 43087/SP
aline.galcino@ata.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2021 - Grupo Agitta de Comunicação.