Polícia

Homem de 30 anos morre afogado no Córrego Azul, em Araçatuba

Amigo disse que deixou a vítima no local para comprar cerveja e quando voltou, já havia se afogado; esposa da vítima precisou de atendimento médico 

Lázaro Jr. - Hojemais Araçatuba
06/12/21 às 09h55

O caseiro Makendy Charles, 30 anos, morador no assentamento Chico Mendes, em Araçatuba (SP), morreu na tarde de domingo (5) ao se afogar no córrego Azul. O caso aconteceu por volta das 17h e a polícia foi ao local após ser informada de um afogamento, ocorrido no trecho do rio que passa pelo quilômetro 10 da estrada municipal Caran Rezek.

O local foi preservado por policiais militares, que relataram à Polícia Civil que encontrou a vítima já inconsciente. Equipe do Corpo de Bombeiros também esteve presente para prestar os primeiros socorros, tentou a reanimação, mas o óbito foi constatado pelo médico do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), ainda no local.

Amigos

Não foi informado à polícia como se deu o afogamento. Um tatuador de 26 anos, morador no bairro Petit Trianon, contou que estava Charles no córrego e que deixou o local para ir comprar mais cerveja, que havia acabado.

Quando ele saiu, o caseiro permaneceu acompanhado da esposa dele, da esposa desse amigo e outros conhecidos dos casais. Quando retornou, o caseiro já havia se afogado e eles aguardavam pelo socorro.

Passou mal

Segundo o que foi informado à polícia, a mulher de Charles passou mal no local e foi encaminhada ao pronto-socorro municipal para atendimento médico. A identidade dela não foi informada.

Equipe do Instituto de Criminalística realizou perícia no local e o corpo foi encaminhado ao IML (Instituto Médico Legal) para exame necroscópico e um inquérito será instaurado.

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM POLÍCIA
Franquia:
Araçatuba SP
Franqueado:
Connect Empresa Jornalística e Editora LTDA
32.184.870-0001/54
Editor responsável:
Aline Galcino - MTB: 43087/SP
aline.galcino@ata.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2022 - Grupo Agitta de Comunicação.