Geral

Garoto autista será o Príncipe de uma debutante em Três Lagoas

A escolha do príncipe que é o garoto autista, Guilherme Bezerra Torres, que irá dançar a valsa com Yasmin Christine está ligada a profissão de sua mãe, a professora Kelle Salmi

Aurora Villalba - Hojemais/ Três Lagoas
10/02/20 às 09h00
A escolha do príncipe que é o garoto Guilherme Bezerra Torres,  15 anos, autista e que irá dançar a valsa com Yasmin esta ligada a profissão de sua mãe - Kelle Salmi,  36 anos, professora há seis anos.

Yasmin Christine, 14 anos, é uma garota três-lagoense que sonha com sua festa de 15  anos,  como a maioria da meninas de sua idade.

Mas a sua festa de 15 anos, será possivelmente a mais diferente e emocionamente de 2020, em Três Lagoas. Ao Hojemais, Yasmin Christine disse que há cerca de um ano com ajuda do pais que ela está planejando a sua festa de aniversário prevista para o dia 20/06 do corrente ano. 

Yasmin Christine contou que decidiu junto com seus pais que a comemoraçãoserá diferente do modelo tradicional por conta de seus valores éticos e sociais,  alicerçados na fé em Deus, simplicidade, respeito e amor ao próximo. Que é preciso haver não só a festa, mas  também deixar uma mensagempositiva aos convidados que irão dividir este momento especial com ela e seus  familiares.

Professora, Kelle Salmi e seu ex-aluno Guilherme.

Explicou que a escolha do seu príncipe que é o garoto Guilherme Bezerra Torres,  15 anos, autista e que irá dançar a valsa com Yasmin está ligada a profissão de sua mãe - Kelle Salmi,  36 anos, professora há seis anos. Informou ainda, que no ano passado que Kelle Yasmin dentre seus alunos tinha também Guilherme que em diagnóstico de autismo ( TEA).

Aniversariante disse que de vez em quando sua mãe comentava sobre o quanto ele era amoroso e  o quão era necessário ser dedicada quanto ao aprendizado de um aluno de inclusão. A filha contou que passado pouquíssimo tempo que a sua mãe já não comentava sobre o aluno autista com preocupação, mas com profunda admiração e que por conta disso que a mesma também resolveu trabalhar os demais alunos, objetivando que garoto autista se sentisse aceito e incluso pelos colegas de sala de aula.

As coisas foram muito além da sala de aula e do ensino aprendizado pois Guilherme Bezerra Torres além de aprendendo foi socializado.

As coisas foram muito além da sala de aula e do ensino aprendizado pois Guilherme Bezerra Torres foi socializado. Outro detalhe importante revela Yasmin Christine, é que sua mãe passou a se relacionar de maneira muito próxima com a mãe de Guilherme, Giseli de Araújo Vergete,   e logo em seguida uma grande amizade nasceu entre as duas famílias.

Na residência de Kelle Salmi toda a familia passou a gostar muito do Guilherme, que é  é um garoto muito educado, amoroso e também com seus respecitivos familiares.

Guilherme disse sim, e será o principe de Yasmin.

No dia em que Yasmin Christine foi até a residência de Giseli de Araújo Vergete (30/01/2019)  que tem outros três filhos e fez a entrega do convite para que Guilherme Bezerra Torres seja o seu Príncipe com certeza foi um dos momentos mais felizes para o garoto e em especial para sua mãe Giseli  Vergete. 

A mãe de Guilherme comentou para nossa equipe que naquele momento um filme passou em sua cabeça,  que o gesto se tratava de fato de ato verdadeiro de inclusão que todas as mães de  autistas esperam receber da sociedade.

"Achei bárbaro a gentileza da Yasmin em escolher meu filho Gui para dançar a valsa de seus 15 anos. Isto mostra que existem jovens engajados na inclusão.  A luta é árdua para nós pais, mas  as pessoas tem que respeitar o autista e ensinar seus filhos a respeitarem e se relacionarem com pessoas que tem alguma deficiência como faz  a Yasmin" disse Giseli emocionada

Giseli de Araújo Vergete e seu anjo azul, Guilherme.

Gisele Vergete destacou que  Yasmin é uma menina de ouro e a emociona a cada vez que a mesma se aproxima de seu filho Guilherme. Frisou,  que  é possível verificar que sua educação e doçura vem de berço,  através de seus pais que a ensinaram que primeiro vem amor e que amor é capaz de abrir todas as portas.

Revelou ainda,  que a menina três-lagoense que convidou seu filho autista para dançar em um dos momentos mais importantes e inesqueciveis de sua vida foi educada para  tratar a todos,  independente de ser ou não autista, com respeito e que seres humanos tão generosos a exemplo da professora,  Kelle Sami, sua filha Yasmin Cristine e toda a sua família é muito difícil encontrar nos dias atuais, onde a maioria das pessoas estão preocupadas apenas com suas respectivas vidas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM GERAL
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2020 - Grupo Agitta de Comunicação.