AO VIVO
Dra. Amanda Valduga

Dra. Amanda Valduga fala sobre apneia do sono, distúrbio que dificulta a perda de peso!

A apneia é uma doença crônica, que impede a qualidade do sono, e quando não tratada pode ainda desencadear problemas de saúde como aumento de risco cardiovascular, hipertensão arterial, arritmia cardíaca, insuficiência cardíaca, diabetes,  problemas de memória, concentração e ainda desencadeia um ciclo vicioso entre o ganho de peso e noites com baixa qualidade de sono.

Julia Rafaela  - Hojemais Três Lagoas 
31/01/22 às 15h00

Apesar da alimentação inadequada ou excessiva ser a maior causa da obesidade, existem outros fatores que também contribuem para que uma pessoa desenvolva a doença, dentre sedentarismo, fatores genéticos, condições psicológicas e até mesmo os distúrbios do sono, como a apneia, caracterizada pela respiração superficial durante o sono ou parada completa da respiração por alguns segundos ou minutos.

Segundo a médica especialista em emagrecimento avançado, Dra. Amanda Valduga (CRM/MS 12.049), a apneia é uma doença crônica (que não é resolvida em um curto período de tempo) que impede a qualidade do sono, e quando não tratada pode ainda desencadear problemas de saúde como aumento de risco cardiovascular, hipertensão arterial, arritmia cardíaca, insuficiência cardíaca, diabetes e problemas de memória e de concentração.

No que tange a obesidade, a médica esclarece que pacientes portadores da doença possuem alterações no corpo que alimentam a apneia, gerando um ciclo vicioso entre o ganho de peso e noites com baixa qualidade de sono.

“Quando o paciente está acima do peso, a gordura se acumula na garganta e no pescoço, o que diminui o tubo e passagem do ar; a gordura abdominal aumenta a pressão sobre a barriga e diminui o espaço do pulmão respirar. Entre os pacientes com apneia ocorre também a redução do metabolismo de gordura, com uma queima mais lenta que dificulta a perda de peso” – explica a médica. 

Polissonografia como aliada no diagnóstico da apneia e perda de peso 

Apesar da influência da apneia do sono com a obesidade, a Dra. Amanda Valduga ressalta que existem tratamentos para o distúrbio, sendo assim, o primeiro passo é fazer o diagnóstico da apneia, que só é possível em decorrência das tecnologias que auxiliam na medicina. 

“O diagnóstico do distúrbio é feito por meio da Polissonografia, tecnologia presente em minha clínica aqui em Três Lagoas e que mede a atividade respiratória, muscular e cerebral durante o sono. O exame serve para investigar possíveis distúrbios do sono, dentre eles a apneia. Contudo, quando um paciente apresenta essa dificuldade em perder peso, a polissonografia deve ser inclusa na lista de exames a serem solicitados , e quando diagnosticado algum distúrbio do sono por meio da avaliação, inicia-se a implementação melhor do método de tratamento” – esclarece.

A médica destaca ainda, que por meio da polissonografia é possível identificar diversos distúrbios do sono que podem impactar na perda de peso, tendo em vista que a má qualidade do sono interfere na regulamentação dos hormônios que auxiliam no processo de emagrecimento, dentre  leptina, cortisol e grelina, por exemplo, um hormônio que aumenta a fome. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Quando o paciente não dorme bem, o organismo tende a aumentar a produção do hormônio da fome e ainda reduz a leptina, que é o hormônio da sociedade, sendo assim, quando você tem um boa noite de sono você regula esses hormônios, e consequentemente o paciente irá comer menos” - detalha. 

Dra. Amanda Valduga, especialista em emagrecimento avançado (Hojemais Três Lagoas)

Segundo a especialista, nesse contexto o cortisol também é uma problemática, pois a má qualidade do sono possui um efeito estressante no corpo, contribuindo para o aumento da fome. 

“Nesse processo, é importante citar um quarto hormônio, a melatonina (hormônio do sono), que só pode ser reparada após uma noite bem dormida. A presença desse hormônio em nosso organismo, apresenta uma série de benefícios para o corpo,  com ação antioxidante, autofagia ( reduz a probabilidade do surgimento de algumas doenças e aumenta a longevidade), desintoxicação cerebral, saúde óssea, combate a inflamação, queima de gordura, melhora do sistema imunológico e o ritmo cardíaco. Contudo, ter um sono reparador é fundamental no processo de emagrecimento e isso é importante até mesmo para uma melhora da disposição” - finalizou.

Tem dificuldades para perder peso mas não sabe o motivo ou precisa de ajuda? – Então clique no botão abaixo e agende uma consulta agora mesmo com a Dra. Amanda Valduga, especialista em emagrecimento avançado e com saúde: 

Para conhecer mais sobre o trabalho da Dra. Amanda Valduga, siga a médica por meio das redes sociais: 

A Dra. Amanda Valduga (CRM 12.049 MS) é uma médica especializada em emagrecimento avançado, soroterapia e medicina integrativa para promover a reversão do sobrepeso de maneira eficiente, segura e rápida. Entre as abordagens aplicadas pela Dra. Amanda está a polissonografia, a soroterapia e o implante hormonal subcutâneo que aliados restabelecem a sua melhor versão!

 MAIS DE DRA. AMANDA VALDUGA
VEJA TODAS DE DRA. AMANDA VALDUGA
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2022 - Grupo Agitta de Comunicação.