Economia

Salário mínimo em 2020 deve ser de R$ 1040

Valor precisa ser aprovado pelo Congresso Nacional e sancionado pelo presidente

Ana Carolina Kozara  - Hojemais Três Lagoas
08/08/19 às 16h42

O salário mínimo em 2020 deve passar para R$ 1040,00, o valor foi aprovado pela Comissão Mista de Orçamento (CMO) nesta quarta-feira (7) e para ter validade, o texto ainda tem que passar pelo crivo de uma sessão conjunta do Congresso Nacional, e depois ser sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com o relator da comissão da LDO (Lei das Diretrizes Orçamentárias), deputado Cacá Leão (PP-BA), a previsão do governo foi mantida e o salário mínimo deve subir dos atuais R$998 para R$1.040 a partir de janeiro do ano que vem, com pagamento em fevereiro.

Pela primeira vez o salário mínimo ultrapassa os mil reais, porem o valor não representa aumento real, uma vez que os valores não estão acima da variação da inflação deste ano.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O valor do salário mínimo impacta nos gastos públicos. De acordo com os cálculos oficiais do governo, cada real de aumento implica em despesas extras de, no mínimo, R$ 300 milhões.  

Entre 2011 e 2019 vigorou proposta adotada pela então presidente Dilma Rousseff, e aprovada pelo Congresso, de política de reajustes pela inflação (do ano anterior) e variação do PIB (de dois anos antes). Mas, com o PIB negativo em 2015 e 2016, nem sempre o salário mínimo subiu acima da inflação nos últimos anos.

A área econômica do presidente Jair Bolsonaro informou que ainda não foi fechada a política de reajuste do salário mínimo para os próximos anos. Segundo o ministro da Economia, Paulo Guedes, isso será definido até o fim deste ano.

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM ECONOMIA
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2020 - Grupo Agitta de Comunicação.