Geral

Assistência Social inicia campanha Compromisso e Atitude no CRAS “Ruth Filgueiras”

119 casos de violência doméstica, foram registrados em Três Lagoas, somente no período de março a junho, no período da pandemia COVID-19.

Redação - Hojemais/ Três Lagoas
30/06/20 às 07h30

A Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) de Três Lagoas, por meio da Diretoria de Proteção Social Especial, iniciou a campanha “Compromisso e Atitude”, na manhã desta segunda-feira (29), na unidade de Centro de Referência de Assistência Social – CRAS “Ruth Filgueiras, no Bairro Guanabara.


A mesma campanha deverá ser levada às demais unidades CRAS, ou seja, CRAS Vila Piloto, CRAS São João, CRAS Interlagos, CRAS “Amélia Jorge de Oliveira” (Jardim Glória) e CRAS “Ana Maria Moreira” (Vila Verde). 


Esta é uma ação da equipe do Centro de Referência de Atendimento à Mulher – CRAM “Halley Coimbra Ribeiro Junqueira”, coordenada pela psicóloga Mariza Paro Rodrigues de Souza e que tem como objetivo principal, “mobilizar a sociedade mostrando que as mulheres têm direito a denunciar a violência, que não estão sozinhas e que o agressor pode ser responsabilizado e criminalizado por esta atitude, evitando assim as mortes violentas tipificadas como FEMINICÍDIO”.


Junto com a equipe do CRAM, representantes da Diretoria de Proteção Social Básica e de toda a equipe do CRAS “Ruth Filgueiras”,  o início da Campanha “Compromisso e Atitude” também contou com a presença da secretária de Assistência Social, Vera Helena Arsioli Pinho, e do diretor de Proteção Social Especial, Luis Fernando Tondeli Fochi.


Na oportunidade, o prefeito de Três Lagoas, Angelo Guerreiro, cumprindo agenda na entrega da obra de reforma da Unidade de Saúde da Família – USF Vila Haro, manifestou “dar total apoio e incentivo  às ações desta campanha contra a violência doméstica, porque nossa Cidade não pode mais conviver com tantas notícias negativas e tristes de ocorrências de violência dentro de nossas famílias”, disse.
Por sua vez, a secretária Vera Helena também fez um alerta quanto aos elevados números de casos de violência doméstica que são registrados em Três Lagoas. 


INDIGNAÇÃO E SOLIDARIEDADE


“Não podemos ficar quietos e insensíveis a estes números. Temos que mostrar nossa indignação, solidariedade e apoio a estas mulheres e famílias, vítimas de violência. Que esta campanha seja realmente rica de compromissos  e atitudes de resgate e de valorização da dignidade da mulher”, ressaltou Vera Helena.


Ela se referiu aos 119 casos de violência doméstica, registrados em Três Lagoas, somente no período de março a junho, no período da pandemia COVID-19. Foram 52 em março; 28 em abril; 16 em maio; e 23 em junho.


Seguindo recomendações da secretária Vera Helena, esta campanha não deve limitar-se apenas às unidades da SMAS, mas deverá ser levada também aos Hospitais, UPA 24 horas (Unidade de Pronto Atendimento), Clínicas e todas as Unidades de Atenção Primária de Saúde (Postos).


“Temos que mostrar a todas as mulheres que elas podem contar com a gente e que têm assegurado, a partir de agora, mais um importante canal de denúncias contra a violência”, completou Vera Helena.


CAMPANHA


A Campanha “Compromisso e Atitude”, inicialmente, além da participação direta da equipe do CRAM, será levada às seis unidades CRAS, Centro Especializado de Assistência Social (CREAS) e UPA 24 horas. Em cada uma destas unidades será colocada, em local visível e de fácil acesso, a caixa de denúncias das violências.


Como informa a equipe do CRAM, “esta ação faz parte da Campanha de Combate ao Feminicídio, destacando a importância de mobilizar a sociedade e a rede socioassistencial como importante viés de auxílio e rompimento com o ciclo da violência contra a mulher”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM GERAL
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2020 - Grupo Agitta de Comunicação.