Geral

É hora de guardar a farda!

Após 31 anos de serviços a Três Lagoas, Subtenente Eduardo se aposenta da vida militar

Thais Dias  - Hojemais Três Lagoas
22/01/21 às 17h19

A paixão pela profissão fala mais alto na hora do QRU (ocorrência), ser policial é defender a ordem a cima de qualquer coisa, garantir o bem-estar da população.

Honrar seu juramento é a meta, sair de casa sem saber como será o dia é uma das angustias de ser militar. Sua família que o aguarda em casa após o plantão vive a mesma adrenalina, sem finais de semana e feriado para descanso, com uma rotina desgastante e totalmente fora do comum para algumas pessoas.

Essa foi a rotina do Subtenente Eduardo Santos, por cerca de 31 anos de profissão. 

Natural da cidade de Andradina/SP, o Subtenente ingressou na Polícia Militar do Estado de Mato Grosso do Sul como Soldado no dia 01 de junho de 1990. 

Passou no concurso interno para Cabo e se formou no dia 30 de novembro de 2001, em 16 de junho 2006 concluiu o Curso de Formação de Sargentos e, em 15 de agosto de 2012 o Curso de Aperfeiçoamento de Sargento. 

Finalmente em 2020, foi promovido ao mais alto posto da classe das praças na graduação de Subtenente PM.

O Subtenente também trabalhou na P-2 (Serviço de inteligência) por 12 anos e demais anos em presídios e viaturas operacionais que patrulham a cidade. 

No último dia 19, o Subtenente publicou em suas redes sociais sua despedida da carreira, ou como ele mesmo disse em entrevista apenas uma nova fase em sua vida, o Subtenente agora é um militar de reserva. 

Em entrevista ao Hojemais, o Subtenente Eduardo nos contou um pouco sobre sua trajetória de vida, “Ingressar na polícia Militar não foi um sonho, mas sim uma necessidade. Garoto pobre, morador de bairro, negro, filho único, criado por minha avó, que era uma lavadeira de roupas, estudante de escola pública e participante de projetos sociais que ajudavam famílias carentes, enfim, sem muitas oportunidades. Mas, sempre gostei de estudar e foi quando surgiu a oportunidade do concurso para a Polícia Militar do Estado de Mato Grosso do Sul. Naquela época,1990, havia prestado concurso também para Polícia Militar do Estado de São Paulo na cidade de Campinas no 8° Batalhão. Fui aprovado nos dois concursos mas optei assumir em Três Lagoas por ser mais perto da casa de minha avó e aqui estou até hoje.

"Várias ocorrências me chamaram atenção, mas as que mais me impactaram foram as violências domésticas, isso por que, quando você chega no cenário desses é carregado de muita energia"

Durante minha jornada muitos fatos marcaram a minha vida como a perca de companheiros que tombaram pelo caminho durante o combate, ou por problemas de saúde. Uma viatura que capotou comigo e outro colega, mas graças a Deus não tivemos grandes consequências. Algumas situações em que fiquei extremamente vulnerável e quase perdi a vida em trocas de tiros, realizações de prisões, missões e operações, etc. Várias ocorrências também me chamaram atenção, mas as que mais me impactaram foram as violências domésticas, isso por que, quando você chega no cenário desses é carregado de muita energia. Você observa que a construção daquela casa, o posicionamento dos móveis, o arranjo ornamental, foi tudo projetado num momento de troca de carinho e boa comunicação entre os familiares. Quando você chega numa ocorrência dessa são móveis e sonhos destruídos, crianças gritando e chorando, cachorro latindo, sangue e caco de vidro pelo chão, móveis destruídos, pessoas lesionadas, multidão de vizinhos assistindo do lado de fora, enfim, verdadeiro cenário de guerra e desarmonia. E isso sempre me deixou muito triste e para baixo”, comentou o Subtenente. 

Hoje com sua aposentadoria, Eduardo conta sobre seus planos futuros “Eu cumpri a minha missão como Militar durante esses 30 para 31 anos agora ingresso na vida civil. Não tenho intenção de ficar parado e já estou de olho em algumas oportunidades de trabalho no ramo civil. Também estou concluindo faculdade no curso de Psicologia, estou no 8° período e pretendo trabalhar nessa área depois de formado. Enfim, muitos planos para o futuro agora colocar em prática tudo aquilo que projetei. Obrigado! ”, concluiu. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM GERAL
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2021 - Grupo Agitta de Comunicação.