AO VIVO
Geral

Grávida morta com tiro na cabeça estava defendendo seu irmão

“Foram para matar o irmão dela e ela entrou na frente para defender o irmão" afirmou um familiar

Redação
24/05/22 às 09h09
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Angel Luama foi socorrida, mas não resistiu. — Foto: Reprodução/RedesSociais

Para familiares de Angel Luama Pinto de Oliveira, 28 anos, morta na madrugada desta segunda-feira (23), a jovem foi atingida por um tiro na cabeça ao tentar proteger o irmão. A vítima estava grávida e o bebê também morreu. Angel chegou a ser socorrida para um hospital, mas não resistiu aos ferimentos.
 

“Foram para matar o irmão dela e ela entrou na frente para defender o irmão. O tiro que era para ser para ele acertou a cabeça dela”, disse uma familiar.
 
O caso ocorreu em Caarapó (MS). De acordo com o registro policial, a vítima foi atingida por disparo de arma de fogo na cabeça, por volta de zero hora. Ela foi levada até o Hospital São Matheus pelo Corpo de Bombeiros, porém não resistiu aos ferimentos e morreu momentos depois.

A Polícia Civil realiza buscas pela cidade, na tentativa de localizar o autor do crime. O caso foi registrado como Homicídio e segue sob investigação na Delegacia de Polícia da cidade.
Conforme o delegado que acompanha o caso, Silvio Ramos Pereira, pessoas estão sendo ouvidas na tarde desta segunda-feira (23), para tentar elucidar o caso.

(*) G1 MS

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM GERAL
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2022 - Grupo Agitta de Comunicação.