AO VIVO
Cultura

Internet “cancela” comentarista e apresentador por possível apologia ao nazismo

Casos repercutiram de forma negativa e causaram demissão dos envolvidos

Rara Gente - Daniela Galli
09/02/22 às 14h35

Na última segunda-feira (7) o youtuber Bruno Aiub, conhecido como Monark, disse durante a apresentação de mais uma edição do Flow podcast que o nazismo deveria ter um partido reconhecido por lei.

Os entrevistados eram os políticos Tábata Amaral e Kim Kataguiri. Na terça (8), o escritor Adrilles Jorge fez um gesto semelhante a uma saudação nazista durante a sua participação no JP News, da Jovem Pan. A internet, é claro, reagiu e ambos foram demitidos de seus respectivos trabalhos. 

A imagem foi tão negativa que o episódio do Flow foi retirado do ar em todas as plataformas. Entidades judaicas foram enfáticas e pediram retratação. Patrocinadores do podcast rescindiram seus contratos e entrevistados solicitaram que suas entrevistas fossem retiradas do ar. 

 O nazismo foi uma política de ditadura que governou a Alemanha entre os anos de 1933 e 1945. O movimento ficou conhecido pelos seus ideias de preconceito e hostilidade contra os judeus. Negros, comunistas e homossexuais também foram perseguidos. 

A ideologia acreditava na superioridade de uma raça, a “ariana”, que era defendida pelo partido. Os nazistas consideravam que esta seria a mais pura da Europa, superior intelectual e fisicamente do que as demais.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM CULTURA
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2022 - Grupo Agitta de Comunicação.