AO VIVO
Economia

Mais de 80% das indústrias de MS apresentaram crescimento ou estabilidade na produção 


A atividade industrial melhorou na passagem de fevereiro para março, segundo avaliação realizada pelo Radar Industrial da Fiems e divulgada hoje pela Federação.

Redação
26/04/22 às 18h55

De acordo com o levantamento, em março deste ano, 84% das empresas industriais de Mato Grosso do Sul apresentaram crescimento ou estabilidade da produção. Comparando com o levantamento anterior, esse resultado foi superior em 10 pontos percentuais.

Quanto à utilização da capacidade instalada, 70% dos empresários industriais disseram que esteve igual ou acima do usual para o mês. “No entanto, a falta ou alto custo das matérias-primas ainda atrapalham a indústria sul-mato-grossense, sendo a principal dificuldade enfrentada no 1º trimestre de 2022”, observa o coordenador da Unidade de Economia, Estudos e Pesquisas da Fiems, Ezequiel Resende.

Para os próximos seis meses, o economista destaca que todos os indicadores avaliados seguem positivos, ou seja, os empresários industriais de Mato Grosso do Sul esperam crescimento da demanda por seus produtos, aumento das contratações e exportações. “Com essa combinação, os índices de confiança e intenção de investimento também evoluíram na comparação com o último levantamento e seguem em patamares positivos”, afirma Resende. Para à partir de abril, 50% das empresas que participaram do estudo disseram que esperam aumento na demanda por seus produtos nos próximos seis meses, enquanto 43,2% acreditam que o nível da demanda se manterá estável. Por outro lado, para o mesmo período, 5,4% das empresas preveem queda.

Condições financeiras

Ainda segundo a Fiems, no primeiro trimestre deste ano, 66% dos empresários industriais sul-mato-grossenses consideraram a margem de lucro operacional como satisfatória ou boa. Na mesma comparação, o acesso ao crédito foi considerado normal ou fácil por 46% dos empresários, enquanto 32% responderam não ter buscado crédito no trimestre. Já a situação financeira geral da empresa foi avaliada como satisfatória ou boa por 85% dos participantes.

Quanto ao número de empregados, em abril, 71,6% das empresas esperam manter o número de funcionários estável nos próximos seis meses e 24,3% disseram que o número de empregados deve aumentar. 

Além disso, os empresários estão otimistas para investir. Em abril, o índice de intenção de investimento do empresário industrial ficou em 59,5 pontos, indicando aumento de 6,7 pontos sobre o mês anterior.  No atual levantamento 64% das empresas industriais disseram que pretendem realizar investimentos nos próximos seis meses.  “Em geral, a confiança do empresário industrial de Mato Grosso do Sul segue num patamar positivo, principalmente por conta do otimismo projetado para os próximos seis meses e especialmente em relação ao desempenho esperado para a própria empresa. O indicador permanece acima da linha divisória dos 50 pontos, sinalizando que o empresário industrial de Mato Grosso do Sul segue confiante”, destacou o economista da Fiems.

Divulgação
 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM ECONOMIA
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2022 - Grupo Agitta de Comunicação.