Geral

Pacotes misteriosos de sementes da China estão sendo enviados ao Brasil

Moradores do Mato Grosso do Sul receberam o pacote sem fazer pedido

Emily Custódio - Hojemais Três Lagoas 
21/09/20 às 12h20

Um morador de Campo Grande recebeu na última quarta-feira (16) um pacote de semente que chegou da China, por Correio. O homem acionou o Ministério da Agricultura afirmando que não fez o pedido. Esta é a primeira apreensão em Mato Grosso do Sul, mas outros moradores da região sul do Brasil também receberam sementes vindas da Ásia sem ter solicitado o produto.

O superintendente da Superintendência Federal de Agricultura, Celso Martins, disse que em nestes casos a semente de origem estrangeira ou desconhecida não deve ser manuseada e nem plantada. No caso do produto recebido pelo morador de Campo Grande, Martins acredita, que não se tratam de variedades comestíveis e sim venenosas.

A primeira denúncia ocorreu há uma semana feita por um casal de Jaraguá do Sul, no Norte de Santa Catarina. Na terça-feira (15), moradores de Florianópolis, Timbó, no Vale do Itajaí, de Braço do Norte, no Sul, além de paranaenses e gaúchos, procuraram a órgão de fiscalização catarinense, ligado à Secretaria de Estado da Agricultura, Pesca e Desenvolvimento Rural para informar que também receberam a sementes.

O Ministério da Agricultura emitiu um alerta sobre as ocorrências no País. Em Mato Grosso do Sul, quem receber esse tipo de pacote deve procurar as unidades do Ministério da Agricultura ou a Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal.

A orientação é para que os envelopes não sejam abertos.

O telefone do Ministério da Agricultura, para mais informações é 67 3041-9319.

 

Com Informações do G1

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM GERAL
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2020 - Grupo Agitta de Comunicação.