Geral

Sul-mato-grossense encontra primo desaparecido após explosão no Líbano

Segundo família que vive em MS, parentes estão em casa que foi danificada no incidente, em Beirute

Da Redação - Hojemais Três Lagoas
05/08/20 às 14h32
Parte de Beirute após explosão em porto. — Foto: Andre Aza

O sul-mato-grossense João Davi Charro, morador de Campo Grande, que procurava por um primo e que desapareceu logo após a explosão na região portuária de Beirute, no Líbano, conseguiu contato na manhã desta quarta-feira (5) com os parentes.
Segundo João, Basan, de 45 anos, foi até um hospital da capital libanesa em busca de ajuda médica para a filha, de 22 , que apresentou ferimentos em um dos braços. João ainda conta que ainda não conseguiu falar diretamente com o primo, mas familiares entraram em contato para passar a situação pós tragédia.
 

"Foi uma grande susto. Na região onde o Basan mora está sem comunicação por falta de energia elétrica, mas outros primos contaram que eles estão bem. Já voltaram para casa e a filha deles não teve ferimentos tão grave", explicou ao G1.

Conforme João, o primo mora há 2 quilômetros do local da explosão e ressaltou que a residência ficou parcialmente destruída: "Na última mensagem que recebemos deles, eles contaram que muitos móveis e objetos caíram com o impacto da explosão", relembra.
 

O sul-mato-grossense ainda conta que o único parente que ficou ferida foi a filha de Basan, o restante estão seguros, mas muito assutados: "Estão todos traumatizados. Eles informaram que tem muita gente que morreu e inclusive, amigos próximos. Muita gente machuca e um cenário de guerra, ressalta.
João ainda conta que o primo Andre Azar, que mora em June, próximo a Beirute, relatou a situação da cidade: "Ele mandou umas imagens da parte interna do escritório onde trabalha um amigo dele há poucos quilômetros do local. É um cenário de guerra", lamenta.

Conforme André, o local onde mora não foi atingido pela explosão, mais reforça o caos que maior cidade do Líbano está enfrentando.
 

"A situação é repugnante no Líbano. O local está um verdadeiro desastre", finaliza.

(*) G1

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM GERAL
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2020 - Grupo Agitta de Comunicação.