Polícia

Mulher é morta após denunciar homem suspeito de estuprar sua filha

A mulher levou dez facadas, ela foi socorrida e encaminhada para o hospital, mas devido a gravidade dos ferimentos, ela não resistiu

Da redação - Hojemais Três Lagoas
14/10/20 às 08h22
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
(Reprodução/G1)

Nesta segunda-feira, 12 de outubro, uma mulher morreu após ter sido esfaqueada por denunciar o homem suspeito de estuprar sua filha, em Corumbá. A motivação do crime teria sido vingança.

De acordo com as informações da polícia, o autor do crime foi identificado e está foragido. Ele é filho do homem suspeito de estuprar a filha da vítima. A criança tem menos de 10 anos de idade.

O crime aconteceu no último sábado, 10 de outubro. A mulher levou dez facadas, ela foi socorrida e encaminhada para o hospital, mas devido a gravidade dos ferimentos, ela não resistiu.

Segundo a polícia, esse homicídio não se enquadra como feminicídio. O nome da vítima não foi revelado para resguardar a identidade da criança.

(*) imprensams

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM POLÍCIA
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2020 - Grupo Agitta de Comunicação.