Política

Senadora Simone Tebet vota pela derrubada do decreto das armas

Agora matéria vai para a Câmara dos Deputados

Da redação
19/06/19 às 00h20
Senadora Simone Tebet (Divulgação)

Por 47 votos a 28, o plenário do Senado aprovou hoje projeto de decreto legislativo do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) que susta o decreto de Jair Bolsonaro que concede porte de armas a 20 categorias profissionais e aumenta de 50 para 5 mil o número de munições que o proprietário de arma de fogo pode comprar anualmente.

Por Mato Grosso do Sul, Soraya Thronicke (PSL) e Nelsinho Trad (PSD) votaram não ao projeto de Randolfe, e Simone Tebet (MDB) votou sim.

"O decreto de armas é inconstitucional. O problema não é o mérito, é a forma. Por isso, votei contra. Estamos abertos a apreciar qualquer projeto de lei sobre o tema, inclusive, para votá-lo com a urgência requerida pelo presidente Bolsonaro. Hoje solicitei ao presidente Davi Alcolumbre que paute rapidamente outro projeto que trata da posse de armas na área rural", disse Simone.

Agora, a matéria precisa ser aprovada pela Câmara dos Deputados.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM POLÍTICA
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2019 - Grupo Agitta de Comunicação.