Geral

Corpo do jornalista Luizinho está sendo velado na Capela Duílio

O enterro de Luizinho está previsto para as 10 horas no Cemitério Municipal São Antônio.

Danielle Brito - Hojemais Três Lagoas
20/10/20 às 07h59
Jornalista João Maria Vicente ao lado do amigo Luizinho ( Arquivo Pessoal)

O corpo do jornalista Luiz Corrêa da Silveira Filho de 67 anos, o querido Luizinho do Jornal Correio de Três Lagoas, está sendo velado na Capela Duílio desde as 7horas desta terça-feira, 20. O enterro de Luizinho está previsto para as 10 horas no Cemitério Municipal São Antônio.

Luizinho faleceu na manhã de ontem, 19, na Santa Casa de Campo Grande, depois de permanecer internado naquela unidade por pelo menos 33 dias.

O jornalista estava na UTI aos cuidados da equipe de cirurgia plástica devido queimadura corporal de 36% em ombros bilaterais. Devido às diabetes, o quadro se agravou e Luizinho teve falência múltipla nos órgãos.

ACIDENTE

Segundo o jornalista Ricardo Ojeda do site PerfilNews, Luizinho estava tentando apagar um incêndio em um terreno baldio ao lado de sua residência , mas as chamas se espalharam rapidamente e  ele acabou sendo atingido pelo fogo.  Ao tentar sair do local, o diretor do Jornal Correio de Três Lagoas, ainda acabou tropeçando e caindo sobre a brasa.

De acordo com a notícia publicada por Ojeda, uma vizinha escutou o pedido de socorro de Luizinho e foi até o local para prestar auxílio. Quando foi resgatado ele já estava com pouco mais 30% do corpo queimado.

O jornalista foi levado ao Pronto Socorro do Hospital Auxiliadora, examinado, medicado e permaneceu internado na unidade de saúde por 15 dias. Após duas semanas de internação, ele precisou ser transferido para a Santa Casa onde tem uma equipe especializada em atendimento a vítimas de queimaduras.

Conforme o PerfilNews,  por conta da diabetes, o quadro de Luizinho se agravou e ele precisou ser sedado e transferido para a UTI ( Unidade de Terapia Intensiva). Na semana passada, o estado de saúde do jornalista evoluiu positivamente e foram retirados os sedativos e a ventilação mecânica.

Luizinho estava respirando com ajuda da traqueostomia, e sem previsão de alta da UTI. A Santa Casa informou que realizava constantes procedimentos para remoção da pela afetada.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM GERAL
Franquia:
Três Lagoas MS
Franqueado:
Empresa Jornalística e Editora Hojemais Ltda.
01.423.143/0001-79
Editor responsável:
Daniele Brito
materia03@hojems.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2020 - Grupo Agitta de Comunicação.