Opinião

Sustentabilidade no agronegócio

"Com a adoção das práticas sustentáveis, é capaz de suprir as necessidades desta e das próximas gerações, principalmente, tendo em vista o aumento dos investimentos em estudos e pesquisas no setor"

Ana Carolina Kuroda*
19/05/21 às 19h00

Já faz certo tempo que o agronegócio brasileiro vem caminhando de forma a se tornar mais sustentável, incorporando técnicas de produção menos nocivas ao meio ambiente; isto porque, os produtores estão sendo mais conscientes e recebem maior incentivo, tais como descontos em financiamentos e créditos rurais, que é praticamente uma moeda de troca entre produtores, indústrias, funcionários e governos; e mais, conseguiram comprovar que é possível aumentar produção, sem aumentar espaço e sem tanto desgaste ambiental.

Além disso, os produtores que conseguiram transformar seu negócio de maneira a ser considerado sustentável, melhoraram a gestão de suas propriedades e têm notado, além de maiores produções e lucros, um reconhecimento também maior, inclusive na hora da exportação, tendo em vista que alguns países têm feito seletividade sustentável no momento de adquirir produtos, fortalecendo a imagem do setor e logicamente do produtor que atende a essa ideia.

Assim, o agronegócio consegue contribuir de forma significativa para a sustentabilidade. Com a adoção das práticas sustentáveis, é capaz de suprir as necessidades desta e das próximas gerações, principalmente, tendo em vista o aumento dos investimentos em estudos e pesquisas no setor, que acabam por desenvolver tecnologias sustentáveis com foco no aumento da produtividade e do lucro, minimizando os impactos socioambientais.

Dada a relevância econômica do agronegócio para o Brasil e para o mundo, é de suma importância que o setor se mantenha com boa imagem e relações amistosas perante as exigências globais, lembrando que, apesar de pouca divulgação sobre esse tema, o Brasil é o país que tem a legislação ambiental mais rigorosa do mundo e o que mais preserva, proporcionalmente, sendo uma questão de identificar os infratores e não generalizar, como constantemente faz a mídia.

Existem diversas atitudes que podem ser implementadas na busca pela sustentabilidade no agronegócio: modernização das práticas agropecuárias, redução de adubos químicos, técnicas que evitam a poluição (ar, solo e água), sistemas de captação de água das chuvas, uso racional de inseticidas e herbicidas, fontes de energia limpa, não desmatar além do limite permitido, técnicas de reciclagem, descarte correto de embalagens, rotação de culturas, usar recursos naturais de forma consciente, fortalecer a preservação ambiental, recuperação de áreas degradadas, controle de queimadas e integração lavoura, pecuária e floresta (ILPF) por exemplo.

Importante ressaltar que, o produtor que tiver interesse em adotar a produção sustentável, não terá grandes obstáculos com os procedimentos, devendo apenas fazer um planejamento financeiro, para que não sejam gastos recursos de maneira desnecessária.

*Ana Carolina Valim Santos Kuroda é advogada

** Este texto é de responsabilidade do autor e não reflete, necessariamente, a opinião deste veículo de comunicação.

Gostaria de ter artigos publicados no Hojemais Araçatuba ? Entre em contato pelo e-mail redacao@ata.hojemais.com.br

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM OPINIÃO
Franquia:
Araçatuba SP
Franqueado:
Connect Empresa Jornalística e Editora LTDA
32.184.870-0001/54
Editor responsável:
Aline Galcino - MTB: 43087/SP
aline.galcino@ata.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2021 - Grupo Agitta de Comunicação.