Cotidiano

Birigui suspende o drive-thru do Terminal Rodoviário às quartas-feiras

A partir desta semana, o drive-thru do Terminal Rodoviário será mantido apenas aos sábados, das 7h às 13h, por conta de ajuste de logística

Aline Galcino* - Hojemais Araçatuba
24/05/22 às 13h45

A Secretaria de Saúde de Birigui (SP) suspendeu o atendimento do drive-thru do Terminal Rodoviário às quartas-feiras. A partir desta semana, o local de vacinação provisório será mantido apenas aos sábados, das 7h às 13h, por conta de ajuste de logística.

A enfermeira da Vigilância Epidemiológica, Maria Helena Martins Yazawa, explicou que a decisão de desativar o serviço às quartas-feiras se deu devido a organização na aplicação realizada ao longo da semana nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde), onde as salas de vacina atendem ao público das 8h às 16h.

As unidades mantêm a aplicação das vacinas contra a gripe e a covid-19. Podem se imunizar contra a covid-19 pessoas acima de 5 anos de idade que ainda não receberam nenhuma dose. Faltosos da 2ª, 3ª e 4º dose também podem procurar as UBSs ou o drive-thru no sábado para regularizarem a vacinação, apresentando documento com foto e a carteira de vacinação.

A vacina do sarampo é aplicada apenas nas UBSs (Foto: Divulgação)

Gripe

Contra a gripe a vacina está sendo aplicada em idosos acima de 60 anos, crianças de 6 meses a menores de 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, puérperas (mulheres com até 45 dias após o parto), profissionais da saúde, professores e pessoas com comorbidades e deficiência permanente.

Também podem tomar a vacina os caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo rodoviário e urbano, forças de segurança e salvamento e forças armadas. A vacina da gripe é trivalente e protege contra o vírus influenza A (H1N1), a cepa B e o H3N2, do subtipo Darwin.

Os profissionais de saúde, educação, caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo e das forças de segurança e forças armadas devem apresentar comprovante de vínculo empregatício ativo. Grávidas devem levar cartão do pré-natal e as puérperas o registro de nascimento da criança. Pessoas com comorbidades e deficiência o comprovante da doença crônica.

Sarampo

Para as crianças de 6 meses a menores de 5 anos e profissionais de saúde é aplicada também a vacina contra o sarampo. Para o público infantil a imunização é para todos que estejam dentro desta faixa etária, independente da situação da carteira vacinal. A vacina do sarampo é aplicada apenas nas UBSs.

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
 EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
 ÚLTIMAS EM COTIDIANO
Franquia:
Araçatuba SP
Franqueado:
Connect Empresa Jornalística e Editora LTDA
32.184.870-0001/54
Editor responsável:
Aline Galcino - MTB: 43087/SP
aline.galcino@ata.hojemais.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2022 - Grupo Agitta de Comunicação.